Páginas

16 de nov de 2012

DICA DE LEITURA: A Culpa É Das Estrelas



"Alguns infinitos são maiores que outros... Há dias, muito deles, em que fico zangada com o tamanho do meu conjunto ilimitado. Eu queria mais números do que provavelmente vou ter."

Em A Culpa É Das Estrelas, Hazel é uma paciente terminal de 16 anos que tem câncer desde os 13. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante - o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos - , o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.



A Culpa É Das Estrelas é um livro fascinante, daqueles que te faz parar e pensar um pouco mais na vida, é daqueles livros simples, fáceis de entender que vão conquistando o leitor página por página.
 Enquanto muitos de nós reclamamos da vida, Hazel agradece pela que tem, mesmo que seja com uma doença incurável que segue ela por todos os lados, enquanto ela viva com suas dores e seu silêncio aparece Augustus, um jovem também doente, as coisas começam a mudar a partir de então e quando parece estar bem, tudo volta para um nível 0 novamente.

Este livro faz a gente se emocionar, rir, chorar, querer voltar no tempo e fazer algumas coisas diferentes, pedir desculpas para certo alguém ou voltar em um tempo que nunca existiu, além das nossas cabeças.

 Para quem conviveu com o câncer de certa forma pode ser um livro bobo, mas é também um livro que nos da força para continuar apesar de tudo. É um livro que nos mostra que existem pessoas em estados piores que os nosso, é um livro que nos ensina a agradecer pela vida que temos.

8 comentários:

  1. Oi!
    Obrigada pela sua visita no blog (:
    Já estou seguindo o seu!
    Já li este livro e também possui uma resenha publicada no meu blog. Este não foi um livro no qual eu chorei e nem mesmo se tornou um dos meus favoritos, não sei porque. Mesmo que este tenha sido um livro carregado de lições.

    Parabéns pelo blog que ele continue crescendo!
    Beijos :*
    Natalia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Natalia.
      E realmente este não é um livro que me fez chorar, mas me fez pensar em muitas coisas, até porque perdi alguns amigos e parentes pela mesma doença.

      Obrigado pela visita mais uma vez.

      Bjos.

      Excluir
  2. Esse livro é lindo demais, eu me emocionei demais com ele, principalmente no final ):
    É um dos meus livros preferidos, amo ele demais. :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele se tornou um dos meus preferidos também Coral, o livro foi me ganhando aos poucos. É simples, mas lindo.

      Excluir
  3. choreeeei com esse livro, é perfeito demais, triste, mas lindo!
    www.efeitovintage.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, o livro é triste demais, mas muito profundo e lindo, é uma verdadeira história sobre a vida.

      Excluir
  4. Nossa, estou louco pra ler este livro. Só vejo comentários positivos sobre ele, com certeza é uma das primeiras leituras do ano que vem. Abraços !

    Twitter: @IuriRodrigueess
    Blog: noprologo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Iuri, este livro é incrível, espero que goste.

      Abraços!

      Excluir